Sou uma observadora nata das pessoas, dos lugares, das coisas do cotidiano... Sorrio, choro, me emociono, me deixo levar pelo mar de sentimentos que a vida tem a oferecer... Às vezes chata, às vezes insuportável, mas, às vezes, uma flor de pessoa, amável e delicada. Sou uma constante inconstante.. Sempre mais do mesmo, mas o mesmo diferente a cada dia... Quando tudo parece perdido, despedaço-me e renovo-me como a natureza para sentir-me novamente forte... Sou menina moleca, mãe dedicada, mulher serena, rebelde sem causa, despida de preconceitos e pré-noções... Sou um misto de várias coisas por aí que fazem de mim, simplesmente, Aline.

sábado, 10 de agosto de 2013

Dos acontecimentos do cotidiano...


Uma senhorinha senta ao meu lado, segurando uma sacola grande com o nome feitiço estampado na mesma. Ela me olha meio abismada e pergunta:
- Existe mesmo loja com esse nome? Feitiço???
Ao que respondo que sim, ela solta um sonoro “Valei-me, minha nossa senhora!!!” E se benze  três vezes.
Arqueio a sobrancelha direita, esboço um leve sorriso com o canto esquerdo da boca e penso:
- Ah, se ela soubesse que senta neste momento ao lado de uma bruxa.
Buuuuuuuhhhh!!!

Nunca julgue aquilo ou aquele que não conheces. O desconhecido, por vezes, pode ser mais inofensivo que o cordeirinho que anda e dorme tranquilamente ao teu lado.
Aline Teodosio..

5 comentários:

  1. Aline minha amada, que postagem delicada e harmoniosa com o perfil do blog, parabéns!
    Beijinhos para você.
    Nicinha

    ResponderExcluir
  2. Pois é, como diz minha mãe, mente dos outros é uma armadilha perigosa.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. A maioria das pessoas julgam sem mesmo antes conhecer, sem antes saber. Isso não é de todo o mal. Isso é coisa do ser humano, da convivência em sociedade, em regras que foram ditas sei lá quanto tempo e que perseveram até hj. Agora, felizes são as pessoas que pré-julgam mas entendem que ter a mente aberta não te faz aceitar, mas entender.

    Kisu!

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, Aline. O julgamento inicial é uma tendência do ser humano, que depois reflete e vê que o seu julgamento não procede.
    Quem tem a mente aberta e um coração aberto para respeitar as diferenças, faz assim.
    Infelizmente, a nossa sociedade é muito hipócrita e continuará assim.
    Isso é um fato, não um julgamento.
    Concordo que existem pessoas inofensivas, do que muitos lobos disfarçados de ovelhas.
    Beijo grande e tenha um domingo de paz!

    ResponderExcluir
  5. Que lindo,Aline e fazia um tempinho não te via! beijos,ótimo fds! chica

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...